Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Leonardo Pinheiro

Pr. Leonardo Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – BA   [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. Crescio Rezende

Pr. Crescio Rezende

Sede Estadual - RN [email protected]

Pr. Emerson Stevanelli

Pr. Emerson Stevanelli

Sede Estadual – PB [email protected] [email protected]

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. Reinaldo Rosário

Pr. Reinaldo Rosário

Sede Estadual – CE [email protected]

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Internacional – SP   [email protected]  

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – MG [email protected]

Pr. Gilvan Gomes

Pr. Gilvan Gomes

Sede Estadual - SE [email protected]

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. Wesley Santos

Pr. Wesley Santos

Sede Estadual – PR [email protected]

Saiba porque ter um cachorro faz bem para a sua saúde

Passear com um animal de estimação na terceira idade reduz o sedentarismo, o que previne doenças e melhora a qualidade de vida.

Ser dono de um cachorro pode lhe tornar uma pessoa mais saudável. De acordo com um novo estudo, publicado no periódico científico Journal of Epidemiology and Community Health, pessoas que passeiam com cachorros são menos sedentárias – o que leva a crer que cuidar do animal de estimação as torna mais ativas.

Pesquisadores da Universidade de East Anglia e da Universidade de Cambridge analisaram os hábitos cotidianos de 3.123 britânicos, entre 49 e 91 anos de idade, que fizeram parte de uma pesquisa. Cerca de 20% dos participantes tinham um cachorro em casa. Entre eles, cerca de 65% costumavam passear com o animal.

Mesmo em dias ruins

Os cientistas descobriram que aqueles que não tinham um cachorro eram mais sedentários durante o dia do que as que passeavam com os seus cães – cerca de 30 minutos mais. No geral, todos os participantes eram menos ativos nos dias mais frios e chuvosos, mas até mesmo nos dias ruins, os que costumavam passear com os animais eram mais ativos do que os outros – cerca de 12 minutos mais.

“Considerando as condições climáticas, ficamos realmente surpreendidos com a diferença entre aqueles que caminhavam com os cães e o resto dos participantes do estudo”, disse Yu-Tzu Wu, pesquisador da Universidade de Cambridge, ao jornal on-line britânico The Independent.

Motivação

Para Andy Jones, principal autor do estudo, essa descoberta pode ser uma forma de incentivar pessoas mais velhas a serem mais ativas. “O tamanho da diferença que observamos entre esses grupos foi muito maior do que normalmente encontramos em outras atividades físicas”, disse o cientista. “Um animal de estimação pode ser uma motivação para os idosos e, ao saber disso, podemos planejar intervenções no futuro.”

Fonte: VEJA


bannerMemorial

Dom. dia 22/07, às 8h   SEDE INTERNACIONAL   Reunião do Santo Jejum       Av. Cruzeiro do Sul, 1965 - Santana - São Paulo - SP

 

   

 



 

Qual destas três Mensagens abaixo você gostaria de ouvir na segunda-feira 23/07/2018?