Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Internacional – SP   [email protected]  

Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – BA   [email protected]

Pr. Leonardo Pinheiro

Pr. Leonardo Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Emerson Stevanelli

Pr. Emerson Stevanelli

Sede Estadual – PB [email protected] [email protected]

Pr. Reinaldo Rosário

Pr. Reinaldo Rosário

Sede Estadual – CE [email protected]

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Pr. Crescio Rezende

Pr. Crescio Rezende

Sede Estadual - RN [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Gilvan Gomes

Pr. Gilvan Gomes

Sede Estadual - SE [email protected]

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Wesley Santos

Pr. Wesley Santos

Sede Estadual – PR [email protected]

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – MG [email protected]

Desemprego cai e atinge 13,1 milhões no trimestre, diz IBGE

A taxa de desemprego caiu para 12,6% no trimestre encerrado em agosto, ante 13,3% no trimestre anterior, segundo o IBGE. O número indica que 13,1 milhões de pessoas não conseguiram trabalho no período – uma queda de 658.000 em relação ao registrado no trimestre terminado em maio. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – Contínua (PNAD Contínua), divulgada nesta sexta-feira.

Na comparação com o mesmo trimestre de 2016, houve aumento tanto na taxa de desemprego (que era de 11,8%  entre junho e agosto) quanto no número de desempregados (12 milhões).

A queda no desemprego no trimestre encerrado em agosto foi puxada pela alta no trabalho informal e por conta própria, segundo os dados IBGE. Enquanto o número de trabalhadores formais permaneceu estável em relação aos três meses anteriores – 33,4 milhões –  houve crescimento de na quantidade de trabalhadores sem carteira assinada – de 286.000 pessoas, para 10,8 milhões. E o número de trabalhadores por conta própria aumentou em 472.000 pessoas, para 22,8 milhões.

Desde janeiro de 2014, o IBGE passou a divulgar a taxa de desocupação em bases trimestrais para todo o território nacional. A nova pesquisa substitui a Pesquisa Mensal de Emprego (PME), que abrangia apenas as seis principais regiões metropolitanas, e também a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) anual, que produz informações referentes somente ao mês de setembro de cada ano.

Fonte: VEJA


bannerMemorial

Dom. dia 15/07, às 8h Reunião do Santo Jejum PAZ E VIDA DE POÁ           Av. Vital Brasil, 63 - Centro - Poá - SP

 

   

 



 

Qual destas três Mensagens abaixo você gostaria de ouvir na segunda-feira 16/07/2018?