Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – BA   [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Leonardo Pinheiro

Pr. Leonardo Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Crescio Rezende

Pr. Crescio Rezende

Sede Estadual - RN [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. Gilvan Gomes

Pr. Gilvan Gomes

Sede Estadual - SE [email protected]

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Pr. Wesley Santos

Pr. Wesley Santos

Sede Estadual – PR [email protected]

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – MG [email protected]

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. Reinaldo Rosário

Pr. Reinaldo Rosário

Sede Estadual – CE [email protected]

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Emerson Stevanelli

Pr. Emerson Stevanelli

Sede Estadual – PB [email protected] [email protected]

Pr. William Alves

Pr. William Alves

Sede Estadual – [email protected]

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Internacional – SP   [email protected]  

Chuva no Rio de Janeiro deixa ruas alagadas e causa transtornos

A chuva intensa que caiu na cidade do Rio de Janeiro causou diversos transtornos na noite desta quarta-feira (21), como ruas alagadas, queda de árvores e alertas para deslizamentos em comunidades. 

De acordo com o Centro de Operações da Prefeitura do Rio (COR), por volta das 22h28 foram acionadas sirenes para alertar sobre possíveis deslizamentos em seis comunidades, localizadas nas regiões de Itanhangá, Copacabana, Leme e Botafogo. Os alertas começaram a ser desligados em torno de 0h30.

— Os moradores já podem retornar as suas casas. Equipes da Defesa Civil seguem realizando vistorias nos locais e de prontidão. Em caso de necessidade, as sirenes podem voltar a ser acionadas.

Segundo dados do sistema Alerta Rio, Barra da Tijuca, Alto da Boa Vista, Recreio dos Bandeirantes e Copacabana tiveram grande volume de chuva. Foram registrados ao menos 16 pontos de alagamento por toda a cidade.

A queda de pelo menos três árvores foi registrada, sendo uma na Rua Santa Clara e outra na Avenida Princesa Isabel, ambas em Copacabana. A terceira caiu na entrada do Túnel do Pasmado.

A assessoria de imprensa da Light, companhia de energia elétrica do Rio de Janeiro, confirmou ao R7 que pelo menos três bairros estariam com pontos sem energia na madrugada desta quinta-feira (22): Jacarepaguá e Barra da Tijuca, na zona oeste, e São Conrado, na zona sul.

Pelas redes sociais, cariocas de vários bairros reclamavam sobre a falta de energia elétrica.

Fonte: R7


bannerMemorial

Aguarde Novas Atualizações