Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. Emerson Stevanelli

Pr. Emerson Stevanelli

Sede Estadual – PB [email protected] [email protected]

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. William Alves

Pr. William Alves

Sede Estadual – [email protected]

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Crescio Rezende

Pr. Crescio Rezende

Sede Estadual - RN [email protected]

Pr. Gilvan Gomes

Pr. Gilvan Gomes

Sede Estadual - SE [email protected]

Pr. Wesley Santos

Pr. Wesley Santos

Sede Estadual – PR [email protected]

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Internacional – SP   [email protected]  

Pr. Reinaldo Rosário

Pr. Reinaldo Rosário

Sede Estadual – CE [email protected]

Pr. Leonardo Pinheiro

Pr. Leonardo Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – MG [email protected]

Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – BA   [email protected]

Horário de verão tem início adiado por eleições e Enem

horário de verão em 2018 será adiado novamente. Para evitar confusões durante a realização das eleições e do Enem, o início vai acontecer a 0h do dia 18 de novembro. A princípio, o começo do período aconteceria em meados de outubro, entre o primeiro e segundo turno das eleições.

Para não atrapalhar as apurações do dia 28, data do segundo turno, o governo decidiu pelo adiamento para o dia 4 de novembro, no dia da primeira prova do Enem. Porém, diante da possibilidade de dificultar a programação dos estudantes que farão prova, o ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, solicitou no dia 26 ao presidente Michel Temer outro adiamento. O MEC temia que candidatos pudessem perder o horário caso a mudança dos relógios acontecesse no dia do exame. Outra dificuldade seria a logística necessária para a aplicação da prova no Norte do País, onde alguns municípios ficariam com até três horas de atraso em relação a Brasília. 

A confirmação será publicada no Diário Oficial nos próximos dias. O horário de verão 2018-2019 terá 91 dias de duração, 35 a menos do que em 2017-2018. Um decreto do dia 15 de dezembro do ano passado definiu o início para o primeiro domingo de novembro. Antes, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) havia solicitado que a mudança não coincidisse com o segundo turno das eleições deste ano, marcado para o dia 28. Normalmente o começo é em outubro, mas isso faria com que as apurações tivessem horários diferentes em alguns Estados que não adotam a medida.

Todos os Estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste adotam o horário de verão, que vai até 16 de fevereiro de 2019.

Fonte: VEJA


bannerMemorial

Dom. dia 21/10, às 8h     Reunião do Santo Jejum   SEDE ZONA LESTE         Av. Celso Garcia, 6076 - Penha - São Paulo - SP