Pr. Rodrigo Rosa

Pr. Rodrigo Rosa

Sede Estadual - GO pr.rodrigorosa@pazevida.org.br

Pra. Marta Aguiar

Pra. Marta Aguiar

Sede Estadual – SC pra.martaaguiar@pazevida.org.br

Pr. Alex Oliveira

Pr. Alex Oliveira

Sede Estadual – PA pr.alexoliveira@pazevida.org.br

Pr. Ubyratan Araújo

Pr. Ubyratan Araújo

Sede Estadual – BA pr.ubyratan@pazevida.org.br

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – PR pr.delson@pazevida.org.br

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal pr.fabiohenrique@pazevida.org.br

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Distrital – DF   pr.sandropinheiro@pazevida.org.br

Pr. Jean Vilela

Pr. Jean Vilela

Sede Estadual - RN pr.jeanvilela@pazevida.org.br

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – MG pr.danyelpagliarin@pazevida.org.br

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Internacional – SP   pr.joaquimneto@pazevida.org.br  

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Estadual – RJ pr.neilton@pazevida.org.br

Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – PB pr.reginobarros@pazevida.org.br

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – PE pr.luciano@pazevida.org.br

Pr. Gilvan Gomes

Pr. Gilvan Gomes

Sede Estadual - SE pr.gilvamgomes@pazevida.org.br

Pr. Gilson Marques

Pr. Gilson Marques

Sede Estadual – RS pr.gilsonmarques@pazevida.org.br

Pr. Crescio Rezende

Pr. Crescio Rezende

Sede Estadual – CE pr.crescio@pazevida.org.br

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Estadual - PI pr.marciodasilva@pazevida.org.br

Pr. Luiz Carlos

Pr. Luiz Carlos

Sede Estadual – MA pr.luizcarlos@pazevida.org.br

Pr. Elianderson Castro

Pr. Elianderson Castro

Sede Estadual – AM pr.elianderson@pazevida.org.br

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – AL pr.carlospinheiro@pazevida.org.br

O Primeiro Milagre de Jesus

JO Três dias depois, houve um casamento em Caná da Galileia, e estava ali a mãe de Jesus. E foi também convidado Jesus com seus discípulos para o casamento. E tendo acabado o vinho, a mãe de Jesus lhe disse:

– Eles não têm vinho.

Respondeu-lhe Jesus:

– Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora.

Sua mãe disse aos serventes:

– Fazei tudo quanto Ele vos disser. Ora, estavam ali postas seis talhas de pedra, para as purificações dos judeus, e em cada uma cabiam duas ou três metretas.

Ordenou-lhes Jesus:

– Enchei de água essas talhas. E encheram-nas até em cima.

Então lhes disse:

– Tirai agora e levai ao mestre-sala.

E eles o fizeram. Quando o mestre-sala provou a água tornada em vinho, não sabendo donde era, se bem que o sabiam os serventes que tinham tirado a água, chamou o mestre-sala ao noivo e lhe disse:

– Todo homem põe primeiro o vinho bom e, quando já têm bebido bem, então o inferior; mas tu guardaste até agora o bom vinho.

Assim deu Jesus início aos seus sinais em Caná da Galileia e manifestou a Sua Glória. E os Seus discípulos creram nEle.

Notas do Autor: JO 2.1-11

AINDA NÃO É CHEGADA A MINHA HORA. Não se trata de uma referência à hora de fazer milagres, porque Jesus já havia iniciado o Seu ministério, mas à Sua hora de oferecer o Vinho como o Seu sangue, o que Ele efetivamente fará na Última Ceia, uma noite antes de morrer na Cruz. Três anos depois desta festa, Ele pegou o cálice com Vinho e o deu aos Seus discípulos, dizendo: “Este cálice é o Novo Testamento no meu sangue, que é derramado por vós. Bebei dele todos, pois isto é o meu sangue, o sangue do Novo Testamento, o qual é derramado por muitos para remissão dos pecados” (Lc 22.20; Mt 26.27;  Mc 14.23-24).

SEIS TALHAS DE PEDRA, PARA AS PURIFICAÇÕES. Toda casa tinha, logo na entrada, essas talhas com água, para que as pessoas se purificassem da rua. Marcos registrou o costume: “Os fariseus, e todos os judeus, guardando a tradição dos anciãos, não comem sem lavar as mãos cuidadosamente; e quando voltam do mercado, se não se purificarem, não comem” (Mc 7.3-4a).

TUDO, NESTE PRIMEIRO MILAGRE, É MUITO SIGNIFICATIVO. Seis é o número do homem, pois o ser humano foi criado no sexto dia (Gn 1.26-31; Ap 13.18). Aquelas seis talhas tinham água reservada para a purificação. Ao transformá-la no Melhor Vinho, símbolo do Seu Sangue, o melhor que já existiu, Jesus mostrou o caráter purificador e transformador da Missão que Ele estava iniciando, conforme profetizado: “Então aspergirei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundícias, e de todos os vossos ídolos, vos purificarei. Também vos darei um coração novo e porei dentro de vós um espírito novo. E tirarei da vossa carne o coração de pedra e vos darei um coração de carne. Ainda porei dentro de vós o meu Espírito, e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis as minhas ordenanças e as observeis” (Ez 36.25-27). Portanto, o alvo da hora de Jesus é o milagre da transformação humana, pelo poder do Seu Sangue.

DUAS OU TRÊS METRETAS. A metreta era uma antiga medida de líquidos, equivalente a quarenta litros. Assim, duas ou três metretas equivaliam a 80 ou 120 litros. Tirando-se pela média, Jesus transformou cerca de seiscentos litros de água em vinho da melhor qualidade.

QUANDO O MESTRE-SALA PROVOU. Não adianta apenas olhar. É preciso provar e sentir pessoalmente o sabor superior da obra purificadora e transformadora de Jesus Cristo.

A ÁGUA TORNADA EM VINHO. A Água e o Sangue aparecem em toda a Torá como os dois elementos que eram usados para purificação, conforme se lê no livro de Números: “E assim lhes farás, para os purificar: esparge sobre eles a água da purificação [...] e lavarão os seus vestidos, e se purificarão. Depois tomarão um novilho para oferta pelo pecado [...] e ajuntarás toda a congregação dos filhos de Israel [...] então tu sacrificarás um como oferta pelo pecado [...] para fazeres expiação” (Nm 8.7-12). Jesus é, ao mesmo tempo, a Água Viva e o Melhor Vinho, que representam o Seu único sacrifício para purificar e fazer a expiação. O Salmo 22, que narra o sofrimento do Messias com mil anos de antecedência, assim profetizou: “Como água me derramei, e todos os meus ossos se desconjuntaram” (Sl 22.14a). Quando Jesus morreu na Cruz, um soldado romano, para se certificar que Ele estava morto, pegou uma lança e cravou no Seu lado, “e logo saiu sangue e água” (Jo 19.34). Na carta aos Hebreus está escrito: “E quase todas as coisas, segundo a Lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão. Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito Eterno se ofereceu a Si mesmo imaculado a Deus, purificará a vossa consciência das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?” (Hb 9.22,14).

MAS TU GUARDASTE ATÉ AGORA O BOM VINHO. Como o vinho representa o Sangue de Jesus, e este milagre se refere ao início do Ministério do Senhor na Terra, o mestre-sala, sem perceber, estava declarando que Deus guardou o melhor para o final: “Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem são as que Deus preparou para os que O amam” (I Co 2.9).

Essa é a promessa de Deus para você: 2016 será o ano do seu triunfo! Venha em uma das Igrejas da Paz e Vida e participe da Campanha de Oração “Jornada do Triunfo” – Venha tirar o seu Projeto de Vida do Papel e torná-lo realidade.

Por Juanribe Pagliarin

bannerMemorial

Quarta, 26/07, às 19h   2017, o Ano da Restituição   PAZ E VIDA - PARNAMIRIM Av. Piloto Pereira Tim, 1129 - Pq. de Exposições - Parnamirim - RN

 

   

 



 

7Qual destas três Mensagens abaixo você gostaria de ouvir na segunda-feira 31/07/2017?