Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – BA   [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – PR [email protected]

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Nacional – SP   [email protected]  

Pr. Jean Vilela

Pr. Jean Vilela

Sede Estadual – MG [email protected]

Pr. Marcelo Torres

Pr. Marcelo Torres

Sede Estadual - SE [email protected]

Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Ademir Pereira

Pr. Ademir Pereira

Sede Estadual - RN [email protected]  

Pr. Alexandre Teodoro

Pr. Alexandre Teodoro

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – PB [email protected]

Pr. Márcio Candido

Pr. Márcio Candido

Sede Estadual – PA [email protected]

Pr. Danilo Queiroz

Pr. Danilo Queiroz

Sede Estadual – CE   [email protected]  

Pr. Weslley Santos

Pr. Weslley Santos

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Como melhorar a circulação nas pernas?

Veremos as principais maneiras de melhorar a circulação nos membros inferiores por meio de dicas simples que podemos aplicar na vida cotidiana.

A má circulação é um problema para muitas pessoas. Ficar na mesma posição durante várias horas, uma vida mais sedentária, maus hábitos alimentares e outros fatores aumentam o risco de patologias associadas. Muitas vezes, esses fatores afetam os membros inferiores. Veja como melhorar a circulação nas pernas a seguir.

A razão pela qual isso acontece é porque o coração bombeia o sangue mas, apesar dele chegar corretamente ao seu destino, devido a vários fatores, há uma dificuldade para que ele retorne ao coração. A seguir, veremos quais são os principais gatilhos dessa condição.

Posições mantidas durante muito tempo, inimigas da boa circulação

A maneira mais eficaz de evitar a má circulação nas pernas ou de melhorar os seus sintomas é evitar passar muitas horas seguidas na mesma posição. Ficamos dormindo durante várias horas. Então, quando acordamos, nós nos arrumamos e vamos de carro ou de transporte público para o trabalho.

No trabalho, ficamos sentados durante oito horas. Chegamos em casa cansados ​​e nos sentamos para assistir TV durante um tempo, jantamos e vamos dormir, para então recomeçar o ciclo novamente no dia seguinte.

Esse exemplo de rotina diária é péssimo para a circulação, pois passamos praticamente o dia inteiro sentados ou deitados. Temos que inserir momentos nos quais mudamos de posição com frequência.

Assim, se formos de ônibus ou metrô, é melhor ficar em pé ao invés de sentar. No trabalho, podemos nos levantar mesmo que seja para ir até o bebedouro, para ir ao banheiro ou para falar com um colega, quando possível.

Quando chegarmos em casa, podemos sair para caminhar ou, se sentirmos vontade de assistir televisão, podemos nos levantar de vez em quando.

Eleve as pernas

Outra maneira de melhorar a circulação nas pernas é manter os membros inferiores elevados. No sofá, podemos nos deitar e usar almofadas para que os pés fiquem acima da altura do coração. Na cama, ao dormir, também podemos colocar almofadas ou travesseiros embaixo das pernas, para elevar os pés acima da cabeça.

Isso ajuda no retorno venoso, devido à ação da gravidade. É bom tentar manter as pernas elevadas durante pelo menos alguns minutos todos os dias.

Exercícios para melhorar a circulação nas pernas

O principal fator que contribui para o retorno venoso é a ação muscular. Por um lado, se você estiver se exercitando, a sua frequência cardíaca vai aumentar, o que por si só já vai ajudar bastante. Por outro lado, a contração muscular comprime os vasos sanguíneos, ajudando assim a empurrar o sangue de volta ao coração.

Portanto, você deve encontrar momentos para exercitar os músculos. Você pode usar as escadas do seu prédio ao invés do elevador ou fazer agachamentos ou outros exercícios enquanto assiste TV.

Uma boa alternativa é ir para o trabalho de bicicleta ou ficar em pé no transporte público, conforme mencionamos anteriormente. Na hora do almoço, pegue um sanduíche e faça uma caminhada enquanto come.

Então, quando chegar em casa, faça um esforço e saia para caminhar ou, melhor ainda, para correr. Em última instância, você sempre pode comprar uma bicicleta ergométrica ou um elíptico e se exercitar sem sair da sala de casa.

Mas não se engane: quando falamos de exercício, não estamos falando em se matar na academia. Para melhorar a circulação nas pernas, caminhar todos os dias já é o suficiente. Se você sair para correr, o efeito será maior por causa da melhora no sistema circulatório em geral, mas devemos pelo menos caminhar todos os dias.

Cuide dos seus hábitos e alimentação

O sobrepeso também contribui para um mau retorno sanguíneo. Assim como para tantas outras coisas, é importante nos alimentarmos corretamente, mantendo uma dieta equilibrada. Existem substâncias como o potássio que reduzem a possibilidade de doenças cardiovasculares.

Além disso, o tabagismo também é um fator que piora a circulação de forma significativa, assim como o consumo regular de álcool. Portanto, se quisermos melhorar a circulação, devemos parar de fumar e limitar o consumo de bebidas alcoólicas o máximo possível.

A água

Dentro da categoria de alimentação, vale ressaltar a importância de beber muita água. Mais especificamente, entre um litro e meio e dois litros todos os dias. Este é outro elemento fundamental que, assim como se exercitar ou se alimentar corretamente, tem um impacto positivo em diversas áreas da vida.

Além de nos hidratarmos por dentro com a água, também pode ser útil nos hidratarmos por fora. Usar cremes para tornar a pele mais elástica também vai promover o retorno venoso.

Conclusão: vida saudável para a circulação nas pernas

Em conclusão, podemos dizer que, para melhorar a circulação nas pernas, é necessário levar uma vida mais saudável em geral. Isso implica mais exercício, melhor alimentação, eliminação do tabaco e ingestão de água em quantidade suficiente. Essas dicas serão as suas grandes aliadas para solucionar essa patologia.

Fonte: soufitness


bannerMemorial

Aguarde Novas Atualizações