Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – BA   [email protected]

Pr. Leonardo Pinheiro

Pr. Leonardo Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – MG [email protected]

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Internacional – SP   [email protected]  

Pr. Wesley Santos

Pr. Wesley Santos

Sede Estadual – PR [email protected]

Pr. Emerson Stevanelli

Pr. Emerson Stevanelli

Sede Estadual – PB [email protected] [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. William Alves

Pr. William Alves

Sede Estadual – PA [email protected]

Pr. Crescio Rezende

Pr. Crescio Rezende

Sede Estadual - RN [email protected]

Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Reinaldo Rosário

Pr. Reinaldo Rosário

Sede Estadual – CE [email protected]

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. Gilvan Gomes

Pr. Gilvan Gomes

Sede Estadual - SE [email protected]

Imposto de Renda: saque do FGTS precisa ser declarado

Os brasileiros que foram contemplados com o saque das contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) no ano passado devem ficar atentos na hora de preencher a declaração de Imposto de Renda.

De acordo com a presidente do CRCSP (Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo), Marcia Ruz Alcazar, mencionar o ganho é necessário porque ele compõe o valor que os contribuintes receberam no ano passado.

"Os recursos do Fundo de Garantia devem ser declarados na aba de rendimentos isentos e não tributáveis e não pagam imposto, não importa o valor", explica Marcia.

A questão sobre o saque das contas inativas do FGTS foi levantada pelo internauta do R7 Everton Rodrigues e é comum entre os milhões de brasileiros demitidos sem justa causa até 2015 que resgataram o valor.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, 25,9 milhões de trabalhadores receberam R$ 44 bilhões entre os dias 10 de março e 31 de julho do ano passado.

A decisão de liberar a retirada dos recursos das contas inativas do FGTS foi tomada pelo presidente Michel Temer com a intenção de injetar dinheiro e impulsionar a economia nacional.

Fonte: R7


bannerMemorial

AGUARDE NOVAS ATUALIZAÇÕES!