Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Internacional – SP   [email protected]  

Pr. Leonardo Pinheiro

Pr. Leonardo Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. Gilvan Gomes

Pr. Gilvan Gomes

Sede Estadual - SE [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. Crescio Rezende

Pr. Crescio Rezende

Sede Estadual - RN [email protected]

Pr. Reinaldo Rosário

Pr. Reinaldo Rosário

Sede Estadual – CE [email protected]

Pr. Emerson Stevanelli

Pr. Emerson Stevanelli

Sede Estadual – PB [email protected] [email protected]

Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – MG [email protected]

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Wesley Santos

Pr. Wesley Santos

Sede Estadual – PR [email protected]

Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – BA   [email protected]

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. William Alves

Pr. William Alves

Sede Estadual – PA [email protected]

Robôs controlados por pessoas com deficiência servem clientes em café no Japão

Robôs garçons controlados remotamente por pessoas com deficiências estão abrindo um mundo de oportunidades em um novo café em Tóquio, no Japão.

 

O café, que iniciou um período de testes na segunda-feira (26), utiliza robôs OriHime-D, que são controlados de longe por pessoas que estão presas em casa com condições físicas severas ou deficiências.

 

A iniciativa combate o isolamento, além de proporcionar oportunidades de trabalho às pessoas com deficiência.

 

Os robôs garçons tem o tamanho de crianças, com 1,20 metro de altura, e pesam 20 kg.

A Internet é usada para transmitir áudio e imagens de vídeo filmadas pelos robôs aos seus controladores em casa, que podem, então, orientá-los com o uso de computadores ou tablets.

 

Fonte: G1


bannerMemorial

AGUARDE NOVAS ATUALIZAÇÕES!