Pr. Danyel Pagliarin

Pr. Danyel Pagliarin

Sede Estadual – PR [email protected]

Pr. Alexandre Teodoro

Pr. Alexandre Teodoro

Sede Estadual – RJ [email protected]

Pr. Danilo Queiroz

Pr. Danilo Queiroz

Sede Estadual – CE   [email protected]  

Pr. Márcio Silva

Pr. Márcio Silva

Sede Distrital – DF   [email protected]

Pr. Weslley Santos

Pr. Weslley Santos

Sede Estadual – AL [email protected]

Pr. Sandro Pinheiro

Pr. Sandro Pinheiro

Sede Estadual - PI [email protected]

Pr. Márcio Candido

Pr. Márcio Candido

Sede Estadual – PA [email protected]

Pr. Delson Campos

Pr. Delson Campos

Sede Estadual – BA   [email protected]

Pr. Neilton Rocha

Pr. Neilton Rocha

Sede Nacional – SP   [email protected]  

Pr. Dionatan Freitas

Pr. Dionatan Freitas

Sede Estadual - GO [email protected]

Pr. Luciano Alves

Pr. Luciano Alves

Sede Estadual – AM [email protected]

Pr. Ademir Pereira

Pr. Ademir Pereira

Sede Estadual - RN [email protected]  

Pr. Raphael Batista

Pr. Raphael Batista

Sede Estadual – RS [email protected]

Pr. Joaquim Neto

Pr. Joaquim Neto

Sede Estadual – PE [email protected]

Pr. Fábio Henrique

Pr. Fábio Henrique

Sede Nacional em Portugal [email protected]

Pr. Jean Vilela

Pr. Jean Vilela

Sede Estadual – MG [email protected]

Pr. Regino Barros

Pr. Regino Barros

Sede Estadual – PB [email protected]

Pr. Carlos Pinheiro

Pr. Carlos Pinheiro

Sede Estadual – MA [email protected]

Pr. Marcelo Torres

Pr. Marcelo Torres

Sede Estadual - SE [email protected]

Ruas do Brás, no Centro de SP, têm lotação e congestionamento na manhã desta segunda-feira

As ruas do Brás, no Centro de São Paulo, registravam aglomerações, filas, congestionamento na manhã desta segunda-feira (22).

O movimento do comércio ambulante passou a ficar ainda mais intenso após a Prefeitura de São Paulo autorizar a reabertura dos comércios de rua e shoppings na cidade, no dia 10 de junho.

quarentena segue em vigor até 28 de junho com flexibilizações graduais da economia.

Pelo acordo com os setores, os estabelecimentos de rua podem funcionar apenas 4 horas por dia, das 11h às 15h.

A reabertura das lojas na capital paulista de serviços não essenciais faz parte da flexibilização econômica prevista na fase laranja do plano do governo estadual de retomada da economia.

Fonte: G1


bannerMemorial

Aguarde Novas Atualizações