Skip to content

CASAIS COM PAZ E VIDA

Especialista explica à CNN como emagrecer de forma segura e eficaz.

Todo início de ano o desejo de emagrecer torna-se uma meta popular a ser alcançada pelos brasileiros. Segundo uma pesquisa realizada em 2022 pela WW, empresa do segmento de bem-estar, em parceria com o Instituto Kantar, revelou que 91% dos brasileiros pretendiam investir em priorizar o seu bem-estar, e 40% na perda de peso.

Para obter um resultado de forma mais fácil e rápida, é comum que se busque por exercícios específicos, que melhor poderiam atender a um resultado rápido e eficaz de emagrecimento. No entanto, de acordo com Eduardo Netto, profissional da Educação Física especializado em Fisiologia do Exercício e diretor técnico da rede Bodytech, o processo de perda de peso é facilitado por uma série de fatores que precisam ser combinados.

“Costumo dizer que o melhor exercício é aquele no qual você consegue colocar na sua rotina e, dessa forma, consegue realizar sempre. E, nesse ponto, o importante é encontrar uma atividade que possa proporcionar algum tipo de prazer, deixando no final a sensação de dever comprido”, explica o profissional à CNN.

“Na busca desenfreada para perder peso, muitas pessoas acabam optando por atalhos repletos de facilidades que podem até comprometer a saúde. Resultados imediatos não existem. O ganho de peso acontece de maneira gradual e a perda acontecerá da mesma maneira”, orienta Eduardo Netto.

Segundo o especialista, para uma rotina física eficaz para o emagrecimento, o mais recomendável é um programa que combine exercícios aeróbios (caminhada, corrida, bike e ou natação) a estímulos de força (musculação ou exercícios com o próprio peso corporal).

“O ideal é que ao longo da semana a pessoa consiga acumular 150 minutos de exercício de intensidade moderada. Para alcançar as metas é necessário ter a orientação de um profissional de Educação Física”, ressalta ele.

Combinação de exercícios aeróbios e treino de força é essencial para emagrecer

Eduardo Netto explica que o emagrecimento deve ser tratado como uma abordagem multifatorial e combinar também dieta e exercício e exercícios de respiração e treino de força.

“As atividades aeróbias são ótimas para estimular a queima calórica, mas também é importante combinar diferentes tipos de exercícios, incluindo o treinamento de força, que é eficaz para alcançar resultados mais completos e duradouros”, diz o especialista.

“A dica de ouro é encontrar o exercício que proporcione prazer e que você consiga realizar com frequência”, aconselha Eduardo.

É preciso malhar todos os dias para emagrecer?

Muitas pessoas podem acabar acreditando que é preciso treinar todos os dias para alcançar um resultado rápido. O especialista explica que é essencial que a frequência e a intensidade dos treinos devem ser equilibradas, com períodos de descanso para permitir a recuperação do organismo.

“A regularidade da atividade física é importante, mas a qualidade do estímulo e a recuperação adequada são tão importantes quanto as idas à academia. Uma combinação de treino de força, exercícios cardiovasculares e mobilidade, juntamente com a recuperação e a nutrição, tende a oferecer os melhores resultados.”

Também é importante reforçar a ideia de que cada corpo responde de uma forma. Ajustar a sua rotina de acordo com as suas necessidades e objetivos individuais são fundamentais.

Dicas para “acelerar” o processo de emagrecimento

Apesar de não haver um exercício específico que apresenta maior possibilidade de emagrecimento, e, sim, uma série de fatores combinados, Eduardo Netto ainda separa dicas que podem auxiliar, facilitar e, assim “acelerar” o processo.

Motivação pessoal: o primeiro passo é encontrar uma razão para se exercitar. Iniciar uma atividade física ou algum novo desafio exige um profundo trabalho de convencimento psicológico, no qual as vantagens das mudanças de hábitos devem ser absorvidas de tal maneira que a pessoa sinta “necessidade” de uma nova vida.

Tenha objetivos realistas: combinado à motivação, ter objetivos realistas, e até mesmo escolher modalidades que te façam feliz, podem ser um ótimo caminho para continuar focado. É importante não ir além dos limites, para que os exercícios não se tornem um verdadeiro “bicho de sete cabeças”.

Reorganize a agenda: antes de começar um programa de exercícios, refaça sua agenda. Não é necessário abrir mão de muitas horas. Uma pessoa sedentária terá mais facilidade em se adaptar ao novo hábito com sessões mais curtas e de menor intensidade. Portanto, a falta de tempo não é mais desculpa.

Não exija demais: agora que você já estabeleceu objetivos para melhorar seu condicionamento físico, é bom ficar preparado para enfrentar algumas dificuldades. Se em um determinado dia você não conseguir realizar sua programação, não encare isso como um fracasso, e sim como desafio.

“A dica principal é: qualquer atividade é melhor do que nenhuma e o que vale nesse momento é começar a rotina de exercícios físicos de forma gradual. Para quem quer voltar aos treinos, a indicação é voltar aos poucos e com a intensidade de leve à moderada para que o corpo se readapte de um jeito saudável”, finaliza Eduardo Netto.

Fonte: CNN BRASIL

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE